Expresso: Fome no Brasil volta a patamares dos anos 90

Laís Gottardo

08 de junho de 2022 | 13h34

A fome no Brasil voltou a patamares registrados pela última vez nos anos 1990, de acordo com o 2º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia de Covid-19, lançado nesta quarta-feira, 8. Atualmente 33,1 milhões de pessoas não têm o que comer no País; 14 milhões a mais do que no ano passado. A nova edição da pesquisa mostra ainda que mais da metade da população brasileira (58,7%) convive com algum grau de insegurança alimentar (leve, moderado ou grave).

A polícia civil do Amazonas prendeu em flagrante nesta terça um suspeito de envolvimento no desaparecimento do jornalista inglês Dom Phillips e do indigenista brasileiro Bruno Araújo Pereira. A informação é do procurador jurídico da União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja), Eliesio Marubo, em entrevista à Rádio Eldorado. Amarildo, conhecido como “Pelado”, teria relação com pescadores e caçadores da região.

E mais: a vantagem de Lula sobre Bolsonaro na última pesquisa eleitoral e o risco de perda de cobertura dos planos de saúde num julgamento no STJ. Ouça estas e outras notícias desta quarta-feira, 8, no “Eldorado Expresso”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.