Expresso: Juristas apontarão à CPI crimes de Bolsonaro no combate à pandemia

Laís Gottardo

13 de setembro de 2021 | 13h28

A dois meses do encerramento da CPI da Covid, o grupo de juristas coordenado pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregará nesta semana um parecer de mais de 200 páginas aos senadores sobre os possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro no enfrentamento à pandemia de covid-19 no País. O grupo atua desde junho na prestação de consultoria jurídica aos senadores, especialmente ao relator Renan Calheiros (MDB-AL), que se prepara para escrever o texto final a partir das provas coletadas contra a gestão Bolsonaro.

Após o recuo de Jair Bolsonaro no tom golpista dos ataques às instituições no 7 de Setembro, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, pede “calma” e uma “agenda positiva” na economia até março do ano que vem. Na última sexta-feira, um dia após o presidente da República se retratar das ofensas ao ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes, a Fiesp divulgou o manifesto “A Praça é dos Três Poderes”, pedindo pacificação política. Em entrevista à Rádio Eldorado, Paulo Skaf, disse que o País precisa ter foco na retomada da economia e deixar a discussão eleitoral para depois de março de 2022.

E mais: o uso da vacina da Pfizer para segunda dose como alternativa à falta da AstraZeneca e os testes com canabidiol no tratamento da síndrome pós-covid. Ouça estas e outras notícias desta segunda-feira, 13, no “Eldorado Expresso”.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.