Expresso: Postos com gasolina a mais de R$ 7 a partir de amanhã

Laís Gottardo

10 de março de 2022 | 13h26

Após quase dois meses com os preços congelados, e em meio a pressões para não trazer a volatilidade do mercado externo, com o preço do petróleo impactado pela invasão russa à Ucrânia, para o Brasil, a Petrobras anunciou nesta quinta, 10, que vai aumentar a gasolina em 18,7%; o diesel, em 24,9%; e o gás de cozinha em 16%, reduzindo assim a defasagem da estatal em relação ao mercado internacional, que já beirava os 50%. “Após 57 dias, a Petrobras fará ajustes nos preços de gasolina e diesel. E, após 152 dias, a Petrobras ajustará preços de GLP”, informou a empresa em nota.

Os ministros das Relações Exteriores da Rússia e da Ucrânia se reuniram nesta quinta-feira, na Turquia, o contato de mais alto nível entre os dois países desde que a guerra começou em 24 de fevereiro. Mas as trocas de farpas durante a coletiva de imprensa deixaram claro que não houve progressos no encontro, em especial sobre um acordo de cessar-fogo.

E mais: a chegada do voo que foi resgatar brasileiros que fugiram da guerra e a possibilidade do fim do uso de máscaras em locais fechados em 15 dias no Estado de São Paulo. Ouça estas e outras notícias desta quinta-feira, 10, no “Eldorado Expresso”.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.