Expresso: Primeira morte pela variante Ômicron no Reino Unido

Laís Gottardo

13 de dezembro de 2021 | 13h27

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, confirmou nesta segunda-feira que o Reino Unido registrou sua primeira morte provocada pela variante Ômicron. A revelação foi feita pelo premiê a repórteres durante uma visita a um centro de vacinação contra a covid-19 em Londres. Johnson não deu detalhes sobre a identidade, estado de vacinação ou problemas de saúde prévios do paciente que faleceu. Mortes pela variante Ômicron podem ter ocorrido em outros países, mas, até o momento, não houve nenhuma confirmação pública além deste caso no Reino Unido.

Ao contrário do que disseram líderes do Congresso ao Supremo Tribunal Federal (STF), a distribuição do orçamento secreto não prioriza serviços essenciais, mas a conveniência política de alguns parlamentares. Cidades que são base eleitoral de aliados do Palácio do Planalto ou de parlamentares em posições influentes no Congresso recebem centenas de milhões de reais, enquanto municípios próximos ou vizinhos ficam à míngua. Juntas, as quatro cidades campeãs em verbas do orçamento secreto que não são capitais estaduais receberam empenhos de pouco mais de R$ 731 milhões em 2020 e 2021. É mais que os 2.261 municípios da base da pirâmide, somados.

E ainda: as chuvas no Nordeste e no Sudeste e o esquema criminoso que extraiu ouro de terras indígenas no Pará. Ouça estas e outras notícias desta segunda-feira, 13, no “Eldorado Expresso”.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.