Expresso: Quase R$ 10 milhões do MEC liberados por pastores

Laís Gottardo

22 de março de 2022 | 13h36

O gabinete paralelo formado por pastores no Ministério da Educação tem obtido uma taxa de agilidade na liberação de verbas da pasta para municípios fora dos padrões de repasses federais. Desde o começo do ano passado, os religiosos Gilmar Santos e Arilton Moura, que, como revelou o Estadão, controlam a agenda do ministro Milton Ribeiro, intermediaram encontros de prefeitos no MEC que resultaram em pagamentos e empenhos (reserva de valores) de R$ 9,7 milhões dias ou semanas após promoverem as agendas.

Petrópolis ainda tem oito pessoas desaparecidas após chuvas torrenciais – quatro delas, desde o temporal do último domingo. Já são cinco as pessoas que morreram, após a tempestade do fim de semana. As chuvas na região já tinham deixado 233 mortos há cerca de um mês e a cidade ainda se recuperava dos estragos.

E mais: a Ucrânia pede ajuda ao papa na guerra contra a Rússia e a ampliação da quarta dose da vacina contra a covid em São Paulo. Ouça estas e outras notícias desta terça-feira, 22, no “Eldorado Expresso”.

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.