´Notícia No Seu Tempo´: Bolsa Família deve mudar de nome e passar a incluir jovens, ruralistas ameaçam se rebelar e agressão em Paraisópolis

Emanuel Bomfim

07 de dezembro de 2019 | 05h00

Por Adriana Cimino e Alessandra Romano

Na edição deste sábado (07), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Economia, o Planalto prepara uma reformulação do Bolsa Família para imprimir a marca do governo Bolsonaro. A ideia é dividir o Bolsa Família em três: benefício-cidadania, para famílias de baixa renda; benefício à primeira infância, para crianças de até 3 anos, e benefício a crianças e jovens, de até 21 anos. A reformulação pode incluir até a mudança do nome do programa para “Renda Brasil”. No caderno de Política, a redução de recursos previstos para os ruralistas e a suposta falta de apoio a projetos considerados prioritários fizeram com que a Frente Parlamentar da Agricultura endurecesse o discurso contra o Planalto. Em Metrópole, garota de 17 anos alega ter sido agredida a garrafadas por PM em baile funk em Paraisópolis. Secretaria promete investigação.

Ouça no player abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.