As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

´Notícia No Seu Tempo´: Bolsonaro pede desculpas ao Supremo por vídeo de hienas, tumor que afeta Covas avança entre os jovens e óleo faz governo vetar a pesca de lagosta e camarão

Emanuel Bomfim

30 de outubro de 2019 | 05h00

Por Adriana Cimino e Alessandra Romano

Na edição desta quarta-feira (30), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Política, Jair Bolsonaro disse que a publicação de vídeo em que é comparado a um leão atacado por hienas foi “um erro” e pediu desculpas. Ele entrou em contato com o presidente do STF, Dias Toffoli, para se retratar. No caderno Metrópole, o câncer de estômago, tumor que acomete o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), tem sido observado com cada vez maior frequência em pacientes jovens, conforme especialistas ouvidos pelo Estado. Uma das hipóteses é de que a piora na alimentação e em outros hábitos de vida colabore para esse crescimento. Também em Metrópole, a contaminação por óleo fez o governo proibir, a partir de sexta, a pesca de lagosta e camarão em vários pontos do Nordeste. A medida vale até o fim do ano, mas pode ser prorrogada. Para demais pescados, não há definição. Será pago um seguro-defeso, de 1 salário mínimo, para 60 mil pescadores.

Ouça no player abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: