‘Notícia No Seu Tempo’: Bolsonaro quer dar subsídio para luz de templos religiosos, funcionalismo federal eleva pressão por maior salário e EUA e aliados dizem que Irã abateu avião; Teerã nega

Emanuel Bomfim

10 de janeiro de 2020 | 05h00

Por Cadu Cortez e Adriana Cimino

Na edição desta sexta-feira (10), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Política, a pedido do presidente Jair Bolsonaro, o Ministério de Minas e Energia elaborou minuta de decreto que concede subsídio na conta de luz para templos religiosos. A articulação, no entanto, provocou forte atrito no governo. A equipe econômica rejeita a medida. Já em Economia, sindicatos e associações de servidores públicos federais iniciam mobilização por reajuste salarial. O aceno positivo do presidente Jair Bolsonaro à concessão de aumento para policiais do DF, pagos pela União, motivou outras categorias a elevar a pressão. No caderno Internacional, autoridades americanas, canadenses e britânicas disseram que o Boeing 737 da Ukraine Airlines foi abatido por engano por um míssil do Irã. Ele explodiu três minutos após decolar, matando as 176 pessoas a bordo. O New York Times divulgou um vídeo de celular que mostra a explosão do que parece ser um avião no céu de Teerã. O Irã rejeitou o que chamou de “rumores ilógicos”.

Ouça no player abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.