‘Notícia No Seu Tempo’: Brasil passa de 5 mil mortes pelo coronavírus e supera a China, cientistas de Oxford estão adiantados na busca de vacina e Trump quer vetar voos do Brasil

Emanuel Bomfim

29 de abril de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta quarta-feira (29), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Metrópole, com 474 mortes registradas entre segunda-feira e a tarde de ontem, o total oficial de vítimas da covid-19 no País chegou a 5.017, superando os números da China, marco zero da doença, que de acordo com a Organização Mundial da Saúde contabiliza 4.643 mortes. O número de mortos de ontem também foi recorde para um período de 24 horas no Brasil. Ainda em Metrópole, pesquisadores do Jenner Institute, da Universidade de Oxford, estão mais adiantados na tentativa de desenvolvimento de uma vacina contra o novo coronavírus. Se a vacina funcionar e houver autorização, a previsão é de que possa estar disponível em setembro. Já em Internacional, o presidente Donald Trump disse ontem que o Brasil passa por grave surto do novo coronavírus e sugeriu que o País enfrenta a epidemia de uma maneira pior que a de seus vizinhos sul-americanos. Num encontro com o governador da Flórida, Ron DeSantis, Trump recomendou a suspensão dos voos do Brasil para conter a doença.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.