‘Notícia No Seu Tempo’: Compra da Covaxin é suspensa após suspeita de corrupção

Da Redação

30 de junho de 2021 | 05h00

No podcast ‘Notícia No Seu Tempo’, confira em áudio as principais notícias da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’ desta quarta-feira (30/06/21):

Um dia após Jair Bolsonaro ser alvo de notícia-crime encaminhada por senadores ao STF, acusado de prevaricação, o Ministério da Saúde suspendeu o contrato para a compra de 20 milhões de doses da vacina indiana Covaxin, por R$ 1,6 bilhão. O governo age para esvaziar suspeitas de que a compra do imunizante envolveria um esquema de corrupção com o conhecimento do presidente, enquanto prepara a contraofensiva na CPI da Covid.

E mais:

Economia: Taxa na conta de luz sobe 52% e outro reajuste já está previsto

Metrópole: Governos dão prêmio para atrair à 2ª dose de vacina

Internacional: Onda de calor mata ao menos 34 no Canadá

Na Quarentena: Projeto une artistas e moradores de rua para arrecadar doações

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.