‘Notícia No Seu Tempo’: covid-19 afasta 1,4 milhão do mercado de trabalho no País, STF e Forças abrem diálogo em busca de pacificação e brasileiro muda dieta na pandemia

Emanuel Bomfim

22 de junho de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta segunda-feira (22), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Economia, a covid-19 tirou do mercado de trabalho pelo menos 1,4 milhão de trabalhadores, seja por estarem doentes ou por terem de cuidar de alguém afetado pela doença. No caderno Política, integrantes das Forças Armadas e do STF buscam evitar nova escalada da crise institucional. Os militares querem demonstrar distância dos “radicais” de extrema-direita, enquanto os ministros procuram deixar clara a intenção de apenas garantir o cumprimento da Constituição. Ontem, Jair Bolsonaro disse que a missão das Forças é defender a democracia. Em Metrópole, a pandemia do coronavírus, que levou ao distanciamento social, não mudou somente o relacionamento pessoal e profissional. Levantamento do Ministério da Saúde, com 2 mil entrevistados, em maio, mostra que quatro em cada dez brasileiros alteraram também o hábito alimentar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.