As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Notícia No Seu Tempo’: de cada R$ 100 prometidos, só R$ 36 saíram do papel, casos graves sobem 40% e SP pode ampliar restrições e união de artistas e atletas

Emanuel Bomfim

27 de março de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino e Gustavo Toledo

Na edição desta sexta-feira (27), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Metrópole, levantamento feito pelo Estado mostra que, do pacote de R$ 308,9 bilhões anunciado para o enfrentamento da pandemia da covid-19, 63,9% (R$ 197,5 bilhões) não saíram do papel porque o governo não encaminhou as propostas ou o Congresso ainda não votou os projetos de lei que estão sendo usados para acelerar as ações, incluindo aquelas para ampliar a rede de proteção à população de baixa renda. Também no caderno Metrópole, o número de pacientes internados em estado grave com covid-19 no Estado de São Paulo cresceu 42%, passando de 59 para 84. Diante desse quadro, o governo paulista cogita até o fechamento total do Estado (lockdown) como medida a ser adotada no futuro, caso o sistema de saúde se aproxime do colapso. No caderno Na Quarentena, o mundo, perplexo, se vê diante de um inimigo comum, o coronavírus. Muitos artistas e esportistas têm se mostrado dispostos a colocar a mão no bolso, doando altos valores para contribuir nessa luta contra a pandemia de covid-19. Da brasileira Xuxa a nomes internacionais como Rihanna e Messi, muitos já se manifestaram dispondo de dinheiro em prol dessa luta mundial.

Ouça abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: