As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Notícia No Seu Tempo’: evasão de alunos cresce 32% em universidades particulares, movimento tímido na volta dos restaurantes e Bolsonaro diz que fará novo exame para a covid-19

Emanuel Bomfim

07 de julho de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta terça-feira (07), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Metrópole, em apenas dois meses, abril e maio, as universidades particulares do País perderam 265 mil estudantes, evasão 32% maior que no mesmo período de 2019, segundo o Semesp, sindicato do setor. Somente em maio, a evasão teve alta de 14,3%, puxada por cursos presenciais. A rede privada reúne 75,4% (6,3 milhões) das matrículas de graduação, conforme o Censo da Educação Superior de 2018 do Ministério da Educação (MEC), o mais recente. Ainda no caderno Metrópole, mesas espaçadas, garçons com máscaras, álcool em gel sempre à mão e poucos clientes marcaram o 1º dia de reabertura de bares e restaurantes em SP. Funcionários e proprietários dos estabelecimentos reclamaram da proibição de abrir as portas à noite. Já em Política, a presidente Jair Bolsonaro teve febre e disse a apoiadores ontem que realizou um exame dos pulmões.  O resultado do teste de covid-19 é esperado para hoje.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: