As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Notícia No Seu Tempo’: governo notifica empresas sobre reajustes de alimentos, Judiciário, MP e estatais lideram gastos com pessoal e Bolsonaro pode vetar perdão a igrejas

Emanuel Bomfim

10 de setembro de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta quinta-feira (10), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Os três destaques de hoje vêm do caderno Economia: a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), ligada ao Ministério da Justiça, questionou empresas e cooperativas ligadas a produção, distribuição e venda de alimentos da cesta básica sobre a alta nos preços; entre as folhas de salários do setor público federal que mais cresceram entre 2010 e 2019 estão as do Judiciário, do Ministério Público da União, dos militares e dos empregados de empresas públicas; e o presidente Jair Bolsonaro indicou a parlamentares da bancada evangélica que deve vetar um dos dispositivos – aprovado pelo Congresso – que anistiam os templos do pagamento de dívidas com a Receita.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: