‘Notícia No Seu Tempo’: Governo vai contratar até 7 mil militares para diminuir fila no INSS, Justiça obriga pais a imunizar filhos e Cajamar, a ‘Faria Lima’ dos galpões

Emanuel Bomfim

15 de janeiro de 2020 | 05h00

Por Cadu Cortez e Adriana Cimino
Na edição desta quarta-feira (15), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Economia, com 1,3 milhão de pedidos de benefícios aguardando análise no INSS, o governo decidiu contratar até 7 mil militares da reserva das Forças Armadas para reforçar o atendimento nas agências da Previdência Social. Objetivo é liberar pelo menos 2,1 mil servidores do órgão para trabalhar na análise dos processos em atraso. No caderno Metrópole, com a queda da cobertura vacinal e a volta de doenças como sarampo, casos de famílias que não vacinam os filhos têm chegado à Justiça, que passou a determinar imunização das crianças, sob pena de multa e até perda de guarda. Também em Economia, com posição privilegiada, próxima ao Rodoanel, a cidade de Cajamar, na Grande SP, virou a “Faria Lima” dos galpões logísticos, alusão à avenida paulistana que concentra escritórios de alto padrão.
Ouça no player abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.