AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Notícia No Seu Tempo’: metade das grandes empresas na Bolsa tem caixa para até 3 meses, Guedes diz que, ‘como cidadão’, quer ficar em casa e Trump muda e amplia prazo de isolamento

Emanuel Bomfim

30 de março de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino e Gustavo Toledo

Na edição desta segunda-feira (30), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Economia, levantamento feito pelo Centro de Estudos de Mercado de Capitais da Fipe e a Economática com 245 companhias aponta que metade das empresas de capital aberto tem recursos para suportar até três meses sem faturar. Com o dinheiro disponível em caixa, conta corrente e aplicações financeiras, elas conseguiriam pagar fornecedores, folha de salários e outras despesas operacionais no período. Ainda em Economia, em videoconferência promovida pela Confederação Nacional dos Municípios, o ministro Paulo Guedes (Economia) disse que a linha de equilíbrio entre saúde e economia é “difícil”. “Eu, como economista, gostaria que pudéssemos retomar a produção. Eu, como cidadão, ao contrário, aí já quero ficar em casa”, afirmou. No caderno Internacional, o presidente Donald Trump mudou de rumo e estendeu a orientação de isolamento social nos EUA até 30 de abril. Com isso, ele desistiu da ideia de normalizar o comércio até o Domingo de Páscoa (dia 12), como havia prometido. Trump disse que o pico de mortes por coronavírus no país deve ser atingido em duas semanas.

Ouça abaixo:

Tudo o que sabemos sobre:

Paulo Guedesdonald trumpisolamento

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: