As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Notícia No Seu Tempo’: MPF apura intervenção política de Bolsonaro no Exército, medidas mais flexíveis na Europa e País desconhece número de testes feitos para covid

Emanuel Bomfim

27 de abril de 2020 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta segunda-feira (27), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Política, suspeito de ingerência na Polícia Federal, Bolsonaro agora é alvo de dois procedimentos de investigação abertos no Ministério Público Federal (MPF) para apurar suposta intervenção política em atos de exclusividade do Exército, o que, no entendimento dos procuradores, fere a Constituição. Integrantes do MPF apontam a possibilidade de o presidente ter agido para beneficiar parte de seus eleitores ao pedir a revogação de três portarias sobre monitoramento de armas e munições sob a finalidade de atividades esportivas, de colecionador e para abastecer quartéis. No caderno Internacional, Espanha, Itália e França registraram ontem a maior queda no número de mortes por covid-19 em semanas e começam a planejar medidas para flexibilizar o confinamento. Em Metrópole, levantamento nas 27 secretarias estaduais e no Ministério da Saúde mostra que uma série de falhas e divergências entre os sistemas de registro de testes impede que o País saiba o número real de exames de coronavírus que foram realizados desde o início da pandemia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: