‘Notícia No Seu Tempo’: pacientes morrem por falta de oxigênio em Manaus, salas do Enem poderão ter até 80% de ocupação e promessas do Planalto esbarram em limites do Orçamento

Emanuel Bomfim

15 de janeiro de 2021 | 05h00

Por Adriana Cimino, Alessandra Romano e Gustavo Toledo

Na edição desta sexta-feira (15), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Metrópole, a explosão de casos de covid-19 em Manaus (AM) levou o sistema de saúde da cidade ao colapso. O estoque de oxigênio se esgotou em diversos hospitais e pacientes morreram por asfixia, segundo relato de médicos. Ainda em Metrópole, planos para aplicação de prova do Enem, no domingo, mostram que salas poderão ter ocupação acima do previsto. Um dos comunicados aos quais o Estadão teve acesso prevê a alocação de 32 candidatos em espaço com capacidade para 40 alunos, nível acima dos 50% prometidos pelo Inep, órgão do Ministério da Educação. Já no caderno Política, as promessas feitas pelo Planalto para atrair votos de parlamentares em benefício de seus aliados nas eleições para o comando da Câmara e do Senado esbarram na escassez de verbas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.