´Notícia No Seu Tempo´: PIB do terceiro trimestre vem melhor e analistas elevam previsão para o ano, TSE autoriza coleta de assinaturas digitais para a criação de partidos e Anvisa libera venda de remédio à base de maconha

Emanuel Bomfim

04 de dezembro de 2019 | 05h00

Por Cadu Cortez e Alessandra Romano

Na edição desta quarta-feira (04), o ‘Notícia No Seu Tempo’ traz o resumo das principais informações da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. Em Economia, destaque para o crescimento de 0,6% do PIB (Produto Interno Bruto), no terceiro trimestre do ano. Puxado pelo consumo das famílias e indústria, o resultado levou analistas a aumentar suas previsões de 1% para 1,2% no ano, na média de 24 instituições financeiras consultadas. Não houve, porém, mudança para o cenário de 2020: a aposta é de variação de 2,3%. Em Política, a autorização do Tribunal Superior Eleitoral para coleta de assinaturas digitais para a criação de partidos. A decisão facilita a criação do Aliança pelo Brasil, do presidente Jair Bolsonaro. Antes que a norma entre em vigor, porém, o tema deve ser regulamentado pelo próprio TSE. E no caderno Metrópole, detalhes sobre a liberação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) da venda de remédio à base de maconha no Brasil.

Ouça no player abaixo:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.