‘Notícia No Seu Tempo’: Vacinação de prioritários deve ser concluída só em setembro

Da Redação

05 de abril de 2021 | 05h00

No podcast ‘Notícia No Seu Tempo’, confira em áudio as principais notícias da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo’ desta segunda-feira (05/04/21):

Os grupos prioritários, que somam 77,2 milhões de pessoas, não devem estar imunizados com as duas doses contra a covid antes de setembro, quando o País começa a produzir a matéria-prima (IFA) da vacina de Oxford/AstraZeneca. A previsão foi feita por especialistas ouvidos pelo Estadão. Qualquer estimativa mais otimista, avaliam, depende que a vacinação engrene e alcance pelo menos 1 milhão de pessoas por dia, sem interrupções. Esse número foi atingido pela primeira vez na quinta-feira passada, mas no dia seguinte o ritmo voltou ao patamar de 300 mil diários.

E mais:

Economia: Igrejas devem R$ 1,9 bilhão em tributos

Política: Governadores mantêm planos próprios contra covid

Internacional: 5 mil civis fogem da Venezuela

Esportes: Clubes de futebol aderem à neurociência

Na Quarentena: Gerald Thomas estreia versão online de Terra em Trânsito

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.