Peça retrata as emoções de quem tem Alzheimer
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Peça retrata as emoções de quem tem Alzheimer

Camila Tuchlinski

28 Novembro 2017 | 10h06

O Alzheimer é uma doença degenerativa e bastante conhecida entre os brasileiros. Perda de memória recente, irritabilidade e diminuição das habilidades motoras e cognitivas são os sintomas mais evidentes. Até o momento, a ciência ainda busca uma cura para a doença. No entanto, diversos mecanismos podem tornar a vida do paciente melhor.

Em São Paulo, o projeto Hospedeira & Paquiderme, em cartaz no Centro Compartilhado de Criação, revela as agruras de uma paciente que tem Alzheimer e como oscila em relação à própria vida, lembranças e sentimentos.

Para falar sobre o assunto, eu convidei a atriz Johana Albuquerque, que interpreta Carmen em Hospedeira, e o psiquiatra do HCor Pedro Rosa, que dará mais detalhes sobre diagnóstico, tratamento e manejo com familiares e cuidadores dos pacientes.  

Você acompanha, toda terça-feira, uma versão inédita e estendida do programa aqui neste espaço. Curta, comente e compartilhe! Se quiser enviar sugestões, use o e-mail podcast@estadao.com

(foto: Pedro Rosa, Camila Tuchlinski e Johana Albuquerque)

Hospedeira & Paquiderme: Díptico de Estranhas e Esquizos Dramaturgias Contemporâneas – Em cartaz até o dia 12 de dezembro.

Dias e horários:

Segundas: Paquiderme, às 20 horas e Hospedeira, às 21h30.

Terças: Hospedeira, às 20 horas e Paquiderme, às 21h30.

Onde: no Centro Compartilhado de Criação, que fica na rua Brigadeiro Galvão, 1010 – Barra Funda.

Telefone: (11) 3392-7485