Podcast: Em queda: reeleição de Bolsonaro ficou inviável?

Por Gustavo Lopes

17 de dezembro de 2021 | 00h10

A semana não tem sido nada fácil para Jair Bolsonaro após a divulgação da pesquisa Ipec, sobre a intenção de voto dos entrevistados e como estes enxergam o governo. Além da grande vantagem de Lula, com 48%, contra 21% do presidente, Bolsonaro viu a avaliação ruim/péssima da sua gestão crescer para 55%.

Dentre os entrevistados que disseram ao Ipec ter votado no atual presidente na última eleição, 45% manifestam intenção de votar novamente em Bolsonaro em 2022, enquanto 55% citam outras opções. O melhor desempenho de Bolsonaro está entre eleitores homens, de 35 a 44 anos, com ensino superior, das regiões Norte e Centro-Oeste, com renda acima de 5 salários e que se declaram brancos. “Dá para afirmar que Bolsonaro é o pré-candidato à reeleição que chega com a pior situação, se comparado a outros ex-presidentes”, afirma o cientista político da Consultoria Pulso Público, Vitor Oliveira, entrevistado no podcast.

Esses dados se somam a pesquisa da Genial/Quaest que mostrou que o nome de Jair Bolsonaro é rejeitado por 64% dos entrevistados. Esse é o índice mais alto entre os presidenciáveis.Alguns números explicam o crescimento dessa rejeição: 73% dos entrevistados acham que no último ano a economia piorou, 66% consideram que a diferença entre ricos e pobres aumentou; e 48% afirmam que a situação econômica é o maior problema do país. “Esse lugar que tá o Bolsonaro é muito difícil, porque tem cada vez menos espaço fiscal para o ano que vem”, analisa Vitor Oliveira.

O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.

Apresentação: Gustavo Lopes

Produção/Edição: Jefferson Perleberg e Ana Paula Niederauer.

Montagem: Moacir Biasi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.