Por dentro das manifestações: as ruas contra Bolsonaro; ouça o podcast ‘Estadão Notícias’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Por dentro das manifestações: as ruas contra Bolsonaro; ouça o podcast ‘Estadão Notícias’

Emanuel Bomfim

16 de maio de 2019 | 06h00

A primeira grande manifestação popular dentro do governo do presidente Jair Bolsonaro ocorreu nesta quarta-feira, 15, em mais de 200 cidades pelo País. O mote foi o contingenciamento de verbas para a área da educação, seja no ensino básico, seja no ensino superior. Enquanto as ruas eram tomadas pela comunidade educacional e simpatizantes dessa pauta, o ministro Abraham Weintraub tentava responder às provocações da oposição em sessão plenária da Câmara dos Deputados. Já em Dallas, nos EUA, onde o presidente cumpria agenda, Bolsonaro partiu para o ataque e classificou os manifestantes de “idiotas úteis.”

Edição de hoje do podcast capta o clima dos protestos em algumas capitais do país, como São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Recife e Natal. Nossa equipe de repórteres apresenta um retrato das reivindicações presentes nestes atos pelas ruas e que mobilizou um público amplo e heterogêneo.

 

E para entender as razões e o impacto dessas manifestações, colhemos as análises da colunista Vera Magalhães e do cientista político Humberto Dantas.

 

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

(Foto: Pilar Olivares/Reuters)

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: