Prisão de hackers é boa para Sérgio Moro? Ouça no ‘Estadão Notícias’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Prisão de hackers é boa para Sérgio Moro? Ouça no ‘Estadão Notícias’

Gustavo Lopes Alves

26 de julho de 2019 | 06h00

Os hackers do ministro da Justiça, Sérgio Moro, foram presos, e segundo a Polícia Federal, confessaram a invasão de aparelhos celulares de autoridades, entre eles, o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. De acordo com Walter Delgatti Neto, o “Vermelho”, um dos quatro presos na Operação Spoofing, o conteúdo obtido foi entregue de forma gratuita aos jornalistas do The Intercept Brasil. Em quais crimes os hackers podem ser enquadrados? A pena pode aumentar pela invasão de aparelhos do presidente da República? E qual a situação do ministro Sergio Moro após as prisões?

No programa de hoje, as análises do ponto de vista jurídico e político, com o especialista em Crimes Digitais e na Internet, Rafael Ariza, e com o cientista político e sociólogo do Mackzenzie, Rodrigo Prando.

 

OUÇA O ‘ESTADÃO NOTÍCIAS’ TAMBÉM NO YOUTUBE

Todas as edições deste podcast também são publicadas no canal do Estadão no Youtube. Para ouvir gratuitamente nesta plataforma, é só clicar aqui.

 

ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!

Os podcasts do Estadão são oferecidos para consumo gratuito no serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta fazer o login na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de busca o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

 

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!

Os podcasts do Estadão também são oferecidos para consumo gratuito na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de busca. Ou pode clicar diretamente neste link.

 

Foto: Ricardo Brandt/Estadão

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: