Vacina de Oxford suspensa: entenda o caso no ‘Estadão Notícias’

Vacina de Oxford suspensa: entenda o caso no ‘Estadão Notícias’

Por Barbara Rubira

17 de março de 2021 | 00h10

A aplicação da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford em parceria com o laboratório AstraZeneca foi temporariamente suspensa em pelo menos 16 países nos últimos dias, a maioria deles no continente europeu. Autoridades de saúde dizem ter agido por precaução após relatos de casos de trombose.

Contudo, ainda não foi comprovada nenhuma relação entre os episódios de problemas vasculares e o imunizante. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda manter a aplicação da vacina e o comitê de segurança da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) deve se reunir ainda nesta semana para discutir o caso.

Aqui no Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que não há registro de casos do tipo ligado à vacina e que está monitorando os casos na Europa.

No episódio de hoje, quem conta mais sobre o assunto é a repórter de saúde do Estadão Fabiana Cambricoli. Conversamos também com Isabella Ballalai, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações.

O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google Podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.

Apresentação: Gustavo Lopes

Produção/Edição: Gustavo Lopes, Ana Paula Niederauer e Bárbara Rubira

Sonorização/Montagem: Moacir Biasi

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.