Rebaixada do carnaval do Rio de Janeiro pode ser uma surpresa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Rebaixada do carnaval do Rio de Janeiro pode ser uma surpresa

Desfile equilibrado torna difícil prever quem cai; Viradouro, São Clemente, Ilha e Vila Isabel são vistas como candidatas à queda

Silvio Barsetti

18 de fevereiro de 2015 | 15h13

testeira-carnaval2015

A escola do Grupo Especial do carnaval carioca que somar menos pontos vai ser rebaixada e, ao contrário dos últimos anos, em que já se podia prever que uma ou duas eram as mais cotadas para a queda, desta vez há uma interrogação no ar. A Viradouro, egressa do segundo grupo, abriu os desfiles na noite domingo com uma apresentação muito boa, com alegorias e fantasias vistosas que não foram afetadas pelo temporal na Sapucaí, minutos antes.

O mesmo se pode dizer da São Clemente, que abriu a festa na segunda noite. Para homenagear Fernando Pamplona, a carnavalesca Rosa Magalhães conseguiu levar para a avenida um desfile irreverente, bem fiel ao enredo. Foi uma boa surpresa, apesar dos recursos escassos. Há na escola até uma expectativa, otimista demais, de que a São Clemente poderia chegar em sexto lugar e participar do desfile das campeãs, no sábado.

Então, se as duas se livrarem, quem vai cair? Vale tudo em apostas. E há mesmo os que apontam a Vila Isabel ou a Ilha como fortes candidatas ao rebaixamento. Sem condições de disputar o título, a Mangueira tende a se posicionar na parte de baixo da tabela. Mas daí a cravar que ela seria a vilã da vez seria muito mais arriscado que fazer a águia gigante da Portela passar de novo ilesa sob a torre de TV do sambódromo.

ILHABLOG

A União da Ilha exaltou a beleza (Foto: Marcos de Paula/Estadão)

Tudo o que sabemos sobre:

carnavaldesfileIlhaVila Isabel

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.