Primeira escola internacional de sexo é aberta: só aulas práticas, promete

Primeira escola internacional de sexo é aberta: só aulas práticas, promete

Rodrigo Martins

01 de dezembro de 2011 | 17h15

A primeira escola internacional de sexo abriu na Áustria. Esqueça papel e caneta. A instituição promete muitas aulas práticas para tornar seus estudantes deuses na cama.

Qualquer pessoa com mais de 16 anos pode participar, por R$ 4 mil o período. Os alunos dormirão em quartos mistos. A ideia é que, assim, tenham condições de praticar as “lições de casa”.

“Ensinamos posições sexuais, técnicas de carícias e conhecimentos anatômicos. E tudo na prática”, diz a criadora, Ylva-Maria Thompson ao Daily Mail.

Mais conteúdo sobre:

ÁustriaDaily MailescolaSexo