Ter 4,5% de amigos gays no Facebook significa ser gay também, aponta estudo

Ter 4,5% de amigos gays no Facebook significa ser gay também, aponta estudo

Gabriel Pinheiro

28 Outubro 2011 | 20h27

O Facebook pode tirar alguém do armário? Segundo um estudo do MIT, sim. Os pesquisadores afirmam número de amigos gays que o usuário possui é um dos critérios estatísticos que mostram sua opção sexual. Se este número representar mais que 4,5% do total de amigos, há um indício “quase conclusivo” da orientação homossexual, informa a Revista Trip.

Os autores do estudo, porém, destacam que a pesquisa só vale para homossexuais masculinos.

Significa?

Mais conteúdo sobre:

FacebookRevista Trip