Antidepressivos têm pouca eficácia para depressões leves

Antidepressivos têm pouca eficácia para depressões leves

Claudia Belfort

07 Janeiro 2010 | 10h05

pill1

Antidepressivos têm pouco ou nenhum efeito em pacientes com depressões leves ou moderadas, embora sejam eficazes para os casos graves. A conclusão é de uma pesquisa divulgada ontem no Jornal da Associação Americana de Psiquiatria.

Pesquisadores da Universidade da Pensilvânia, na Filadélfia, EUA, conduziram uma meta-análise de seis estudos com 718 pacientes que receberem antidepressivos e placebo durante seis semanas. A medicação surtiu efeito substancial nos casos mais severos da doença, já nos pacientes com depressão mais leve, o resultado foi pouco significativo. O estudo, no entanto, não significa que antidepressivos seriam totalmente inúteis para qualquer pessoa com depressão moderada, apenas que não têm eficácia em parte delas.

De acordo com os autores da pesquisa, a sociedade não está totalmente informada que o resultado desses tipos de remédios foi estabelecido com base em estudos que incluíam apenas formas agudas de depressão.

“Acho que o estudo poderia diminuir um pouco o entusiasmo de medicações antidepressivas, e isso que pode ser uma coisa boa”, disse ao The New York Times Dr. Erick H. Turner, psiquiatra da Oregon Health and Science University. Mas alertou: “Os resultados não devem diminuir as expectativas a ponto de as pessoas se recusarem a tentar a medicação”

***********************************

A seção Vozes… já recebeu vários testemunhos de portadores de transtorno mentais que serão publicados em breve e está aberta para novos relatos. Veja como enviar sua história aqui.

Mais conteúdo sobre:

depressãotranstorno psiquiátrico