A chatice da democracia!

Tutty Vasques

23 Outubro 2013 | 06h07

reproduçãoUma coisa saltou aos olhos após o leilão do campo de Libra: Guido Mantega não conserva mais nenhuma ruga de expressão de entusiasmo no rosto. Se não chamasse a imprensa para dizer que o primeiro grande negócio do pré-sal “foi um sucesso”, quem o encontrasse depois de batido o martelo acharia que ele estava com dor de dente!

A inexpressividade facial do ministro só confunde ainda mais o brasileiro em dificuldades para entender se estamos diante de um marco na história do País ou se o Brasil apenas começou a entregar o ouro aos bandidos.

A controvérsia do pré-sal é o capítulo mais recente da série de dúvidas que o povo acumula na leitura dos jornais: as experiências com beagles em laboratório, as biografias não autorizadas, a greve dos professores, o passe livre, a importação de médicos, a inspeção veicular, todo dia surge algo no noticiário lhe cobrando posicionamento contra isso ou a favor daquilo.

Feliz aquele que, nessas horas, consegue fazer cara de nada, tipo a do Guido Mantega!