A derrota da empáfia!

Tutty Vasques

14 Setembro 2011 | 00h02

ilustração pojucanBrasileiro adora esculachar técnico da seleção, mas é bem capaz de aliviar a cara do Mano Menezes em caso de derrota neste Brasil x Argentina meia-bomba de hoje à noite, lá. Por maior que seja o fiasco em Córdoba, o torcedor tem mais o que fazer: se é para cair de pau, nada lhe dá tanto prazer no papo da esquina quanto esta coincidência de sucessivos vexames de Vanderlei Luxemburgo e Luiz Felipe Scolari em seus respectivos clubes.

Com todo respeito à aflição momentânea das valorosas galeras do Flamengo e do Palmeiras, não vem ao caso aqui rivalidades esportivas. Está em jogo a derrota da empáfia! Com Luxa e Felipão ladeira abaixo no Brasileirão, o campeonato perde em arrogância, pavoneamento, soberba, grosseria e presunção, características pessoais que neles se evidenciam com o bom desempenho profissional.

É bom mesmo que a dupla de “professores” não esteja por aí arrotando vitórias nas mesas redondas da TV, ainda mais agora que a competição perdeu a elegância e a discrição de Ricardo Gomes à beira do campo.

Neste particular, justiça seja feita a Mano Menezes, se alguém na seleção sofre do mal da falta de educação, francamente, não é o técnico. Fora Ricardo Teixeira!!!