A olhos vistos!

Tutty Vasques

02 de maio de 2012 | 00h03

ilustração pojucanJá é possível marcar via internet entrevista para obtenção de visto de entrada nos EUA, mas, se você não estiver com muita pressa de viajar, vale a pena esperar mais um pouco:

Logo, logo os consulados americanos estarão preparados para atende-lo em domicílio com hora marcada e sem taxas de solicitação do documento.

Galinha dos ovos de ouro da crise econômica em Wall Street, o consumidor brasileiro em viagem ao exterior já é visto com outros olhos pelas autoridades de Washington, mas o melhor desse negócio ainda está por vir:

Vai chegar o dia em que a diplomacia pautada pela pindaíba ianque criará atrativos para a concessão de vistos no Brasil em promoções com direito a descontos em shoppings de Miami e cassinos de Las Vegas.

Claro que tanto interesse pelo turista brasileiro vai acabar virando aborrecimento quando, enfim, as atendentes de telemarketing – ô, raça! – passarem a te caçar pelo celular para “estar disponibilizando” o documento de entrada nos EUA.

Prepare-se para mais esta chateação na sua rotina de consumidor.

Tendências: