Agulha no palheiro

Tutty Vasques

02 de setembro de 2014 | 15h37

Está de parabéns o serviço de inteligência da PM do Rio!

Não deve ter sido fácil localizar Jan Jozef Galas Slowakiewicz, procurado pela Interpol por tráfico, sequestro, roubo e extorsão.

Existem, como se sabe, milhares de poloneses com duas armas tatuadas na região lombar circulando na favela da Alma, em São Gonçalo, né?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.