Ah, bom!

Tutty Vasques

02 de abril de 2014 | 10h49

O deputado André Vargas, vice-presidente da Câmara, não teve intenção de voar em jatinho de doleiro nenhum.

O avião, inclusive, parou por engano quando ele levantou o braço de punho cerrado, numa das muitas vezes que repetiu o gesto que marcou a prisão dos mensaleiros do PT.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: