Assim falou Aldo Rebelo!

Tutty Vasques

10 Dezembro 2013 | 00h03

ilustração pojucanO fim de semana com caos nos aeroportos e barbárie nas arquibancadas confirmou a tese do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, sobre os preparativos da Copa: aqui no Brasil, futebol e cerimônia de casamento são sempre uma bagunça danada!

A noiva atrasar – a exemplo das obras de alguns estádios – é mesmo o de menos, conforme salientou o ministro na analogia que fez dia desses para a imprensa internacional. Depois da pancadaria de domingo entre torcedores do Vasco e do Atlético Paranaense, os jornalistas estrangeiros devem estar pensando que também é comum por aqui os convidados dos noivos promoverem cenas de selvageria na hora do bolo.

A falta de policiamento é outro ponto comum nas evidências do que Aldo Rebelo quis dizer. Assim como na Arena Joinville, a PM só entra em festa de casamento se alguém acertar a cabeça do outro com barra de ferro. E nem por isso, concluiu o ministro, copas do mundo e casamentos deixam de acontecer no Brasil.