Bancos em cima do muro

Tutty Vasques

30 de setembro de 2008 | 06h15

A diferença fundamental entre o capitalismo e o comunismo é o que se quebra no final.

No Leste Europeu, bastou um muro.

Na América, tem banco que não acaba mais.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.