Bem feito

Tutty Vasques

20 de abril de 2014 | 06h46

Paulo Maluf continua condenado ao Brasil depois que a Suprema Corte de Nova York rejeitou pedido de anulação de processo que o livraria da lista de procurados da Interpol.

Se sair do País, vai preso!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: