Boal da Paz

Boal da Paz

Tutty Vasques

16 de março de 2008 | 15h35

ilustração pojucan

“Era só o que faltava!”

Partindo do Lula, claro que não foi um desabafo.

O presidente reage assim a cada boa notícia que recebe.

Desta vez, comemorava a indicação de Augusto Boal ao Prêmio Nobel da Paz de 2008.

Se ganhar, será mais um capítulo do livro ‘Nunca na história desse país…’, que Lula pretende lançar quando deixar o governo.

Ou não!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.