Calor dos infernos

Calor dos infernos

Tutty Vasques

02 de novembro de 2007 | 22h15

ilustração pojucan

Trezentas pessoas precisaram de atendimento médico sob o forte calor durante o show-missa do Dia de Finados em Interlagos.

O clima ficou insuportável quando Agnaldo Rayol cantou Ave Maria, de Gounod.

O próprio padre Marcelo Rossi foi embora se sentindo meio esquisito.