Cara-de-pau

Tutty Vasques

17 de abril de 2012 | 11h01

reproduçãoComo se não bastassem as 77 pessoas que matou nos atentados de julho na Noruega, o ultradireitista fanático Anders Behring Breivik aproveitou seu julgamento para desmoralizar a legítima defesa, evocando-a para si.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: