Coisa de criança

Tutty Vasques

27 de fevereiro de 2011 | 11h44

Rola um certo mal-estar nas comunidades pacificadas do Rio.

Tem menino que vai se fantasiar de policial do Bope no carnaval dizendo no morro que quando crescer quer ser chefe de milícia.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.