Coisa fofa

Tutty Vasques

08 Março 2012 | 12h13

Ronaldo Fenômeno teve bons motivos para minimizar o impacto do “chute no traseiro” dos responsáveis pela Copa no Brasil, providência sugerida pelo secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke.

Com um traseiro daquele tamanho, francamente, não deve doer nada!