Das duas, uma!

Tutty Vasques

03 de abril de 2014 | 06h14

Ganha força no governo a tese de que a compra da refinaria de Pasadena foi um frango que a empresa tomou do adversário belga que chutou o preço de venda lá em cima e o pessoal técnico da empresa deixou passar.

Acontece com os melhores goleiros!

Outra estratégia de defesa seria lançar o movimento ‘Não vai ter CPI da Petrobrás’ nos mesmos moldes do ‘Não vai ter Copa’!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.