De 1 a 11

Tutty Vasques

01 de março de 2009 | 08h12

A portabilidade numérica deveria ser estendida, de forma até obrigatória, às camisas dos jogadores de futebol.

Esse negócio de atacante que já foi 9 de repente com 50 nas costas, francamente, não dá certo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.