De orelhada

Tutty Vasques

18 de setembro de 2009 | 00h13

Para evitar cenas desnecessárias de pânico nos túneis cariocas, o Detran do Rio deve alterar o exame de habilitação de novos motoristas.

Quem não souber distinguir, por exemplo, o estampido do disparo de uma AK-47 da explosão de um escapamento de moto, não estará apto a dirigir na cidade.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.