De um camelô de vuvuzelas cha…

Tutty Vasques

18 de junho de 2010 | 11h26

De um camelô de vuvuzelas chamando a freguesia que batia pernas ontem no Pelourinho, em Salvador: “SOPRAÍ, Ó!”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.