Segue o jogo!

Tutty Vasques

30 de junho de 2010 | 12h16

A Justiça Eleitoral, a exemplo da Fifa, não dispõe de recursos eletrônicos para checar suposto erro de arbitragem na liminar do TSE que limpou a ficha de Anthony Garotinho.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.