Então tá!

Tutty Vasques

25 Agosto 2012 | 11h36

reproduçãoÉ mais ou menos como culpar a mulher estuprada!

A sindicância que apura o escândalo das presenças fraudadas na Câmara Municipal de São Paulo concluiu esta semana que, com problemas técnicos no registro digital de comparecimento parlamentar, o painel eletrônico praticamente pediu para ser violado.

O funcionário acusado só fazia justiça pelos próprios dedos!