Escolas diferentes

Tutty Vasques

15 de fevereiro de 2010 | 18h39

Se dependesse de Dunga, o carnavalesco Paulo Barros, da Unidos da Tijuca, jamais ganharia o carnaval carioca.

Esse negócio de entrar pra dar espetáculo não é, na concepção do técnico, o mais importante numa competição.