Eu, hein!

Tutty Vasques

20 de maio de 2011 | 00h01

Não dá para entender as razões que levaram o cineasta dinamarquês Lars von Trier a dizer em entrevista coletiva que compreendia as razões de Hitler.

Mais surpreendente, francamente, só se ele estuprasse a camareira de seu hotel em Cannes.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: